quinta-feira, 7 de junho de 2007

A Montanha (posfácio do epílogo)


Às centenas ficaram os suspiros, suspensos entre vastas nuvens de frio e imensos vazios. Estava escuro, mas isso não é o importante. Engraçado que à noite certas imagens que vemos parecem preto e branco, lá se pareciam preto, brancas e azuis. Verdes. Eu disse: está frio. Então fizemos amor. As centenas tornaram-se as necessidades e o abraço durou exatamente 730 anos, depois despediram-se de sua montanha e fechou-se bem o portão atrás de si. Às centenas entornaram os suspiros, o desejo, as insanidades, mornos, tão mornos... caindo sobre todas as árvores, pedras, flores, bicicletas, fotografias, e balões desaparecidos. Cairam sobre nossos planos e sobre as músicas que ouvimos. Hoje é o silêncio quem conta das lembranças e da ausência.

eu passarei por tudo isso
antes de você acordar
assim eu me sinto feliz
de estar segura com você aqui em cima
--
verso: Björk, Nellee Hooper & Marius De Vries
imagem: Evgen Bavcar

8 comentários:

Allan disse...

Parece uma coletânea dos melhores momentos dos textos anteriores.
É proposital a citação aos textos anteriores?? Ficou ótimo!

Agora, esse trio de compositores é o mesmo de "Bedtime Stories" da Madonna, q música é essa?????????

Priscilla Santos disse...

all Sim, é proposital a citação das postagens anteriores. Elas têm a mesma temática, tanto que usei as fotografias do mesmo fotógrafo para elas, pra tentar passar a interligação.
A música é Hyper-ballad, da Bjork. Beijos! Obrigada por passar aqui agora com essa freqüência :)

Allan disse...

Pois é, oscompositores são os mesmos de "Bedtime Story"!
Qto às citações, estava me referindo à vários textos anteriores. A foto de uma bicicleta num jardim tbm é do mesmo fotógrafo? Quem é ele?
Bjs e mais bjs!

P.S.:
"'Everybody looking me, me'...
Quem tá olhando pra ela??"
Rsrsrsrs...
Entrou pros seus melhores momentos, hahahahaha!!!!

Isabella Kantek disse...

Gosto muito dos seus títulos, são da terra dos balões voados? ;)
Aquela postagem está entre as minhas favoritas.
Bisous

Priscilla Santos disse...

allan não..a foto no jardin não é do Bavcar. eu tinha começado a escrever sobre a Montanha e a Terra dos Balões e uns dias depois, quando fui escrever um artigo sobre o Bavcar pro Obvious, acabei encontrando a bicicleta com as gaivotas. depois foi como se tudo se encaixasse magicamente.

KANTEK, Isabellasim...é ainda da Terra dos Balões voados. É bom você saber, pra contar pra Estela que num dia, quando ela for em busca da Terra dos Balões Voados, vai precisar atravessar a Alta Montanha que a precede. Chegando na Montanha, tudo fica mais fácil, é a partir de lá que se pode chegar nos lugares onde sempre quisemos ir. E ver o que nos lembramos mas esquecemos; o que perdemos mas queremos encontrar. beijos :)

Priscilla Santos disse...

KANTEK, Bella breve ps acho que não ficou claro, eu deveria ter colocado os créditos (colocarei) mas a postagem Brevidades foi escrita por mim e pelo Bruno Cabelo; a partir daí iniciou-se a saga da Montanha e da Terra dos Balões Voados (que foi algo que me ocorreu de repente enquanto o Bruno se perguntava pra onde um balão dele teria ido.
Daí deu no que deu... está difícil falar de outra coisa. Como fugir?
beijo

Isabella Kantek disse...

Eu achei mesmo que o Bruno (estou falando dele como se fosse amiga, ahahaha) tinha feito a viagem com você ... e foi boa, não foi? Porque o texto final deu vontade de abraçar. =)

Isabella Kantek disse...

vou contar pra Estela sim-sirin-sim-sim!!! =D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...